Dicas da Chris #4 – Como Conservar Gemas e Claras

Olá queridas,

Muita gente me escreve e dizendo que gostaria de fazer a massa de bolo que eu ensinei, mas não acha claras pasteurizadas pra comprar e acaba não fazendo a receita porque não quer que as gemas sobrem ou não sabe o que fazer com as gemas que sobram. Ou então não entendem porque na receita só leva claras e não ovos inteiros. Então vamos lá.

Porque na sua receita só vão claras e não ovos inteiros?

Gemas e claras exercem várias funções em qualquer receita e as principais são: estrutura, volume, emulsificação e valor nutricional.

Em teoria qualquer receita de bolo pode ser feita com ovos inteiros, só gemas ou só claras. Digo em teoria porque não significa que você vai simplesmente substituir gemas por claras e o resultado será o mesmo. A receita precisa ser analisada e testada, para garantir ao substituir uma pela outra, as funções de estrutura, volume, emulsificação permanecer as mesmas. Às vezes precisa-se adicionar ou reduzir a manteiga ou óleo, outras vezes mais ou menos líquido, outras vezes mais ou menos fermento, ou muitas vezes todos esses ajustes de uma vez só. Existem receitas em que todos os ovos são substituídos, seja por restrição alimentar ou preferência, existem pessoas que não podem ou não querem comer ovos. E essas receitas também dão certo e aqui na América do Norte uma das formas mais comuns é substituir ovos com purê de maçã.

Aqui é muito comum que um bolo de baunilha seja feito só com gemas e chamamos de yellow cake (bolo amarelo) ou só com claras e chamamos de white cake (bolo branco) ou então se forem usados ovos inteiros fica simplesmente vanilla cake (bolo de baunilha). Mas como eu falei a receita precisa estar balanceada e adaptações precisam ser feitas, mas qualquer bolo pode ser feito com gemas, claras ou ovos inteiros.

No caso da minha receita eu só uso claras por dois motivos, em primeiro lugar porque o bolo fica mais leve (mesmo sendo amanteigado e tendo estrutura que permita esculpir), mas principalmente porque como eu faço buttercream de merengue eu acabo usando muitas claras e fica mais prático comprar claras pasteurizadas por quilo, naquelas embalagens tipo leite longa-vida. Logo faz mais sentido pra mim usar uma receita de bolo que leve claras também. E se no seu caso fica difícil achar claras pasteurizadas para vender você pode usar claras em pó (reconstituindo conforme instruções do fabricante) ou mais fácil usar ovos frescos.

Mas Chris, o que eu vou fazer com as gemas que sobram?

Você pode usar as gemas para fazer fios de ovos, quindins, queijadinhas, baba de moça, maionese, crème brulée, lemon curd (creme de limão siciliano). Assim que der eu coloco umas receitas aqui para você.

Mas e se eu não precisar usar todas as gemas de uma vez só, e aí como é que faz?

Eu aprendi aqui que você pode deixar as gemas na geladeira por até 4 dias. Mas tudo aqui é diferente em termos de validade em função da diferença de clima, então volto a dizer (tipo uma vitrola quebrada)… faça o teste. Mas para melhor conservação a dica é furar as gemas e misturar pra ficarem todas liquidas e não em formato de gema (ô explicação doida), depois colocar um plástico filme por cima, tocando as gemas levemente para evitar que ressequem e que crie uma pele, tipo aquela pele de pudim.

Ou então você pode congelar as gemas (e as claras também).

Pra congelar GEMAS:
Você antes precisa decidir se quando descongelar serão usandas pra doce ou salgado, pois você vai precisa adicionar sal ou açúcar. Isso porque se congeladas sozinhas as gemas ficarm tão gelatinosas que não dá pra usar. Logo a adição de açúcar ou de sal vai evitar que fiquem gelatinosas e preservar as gemas.

De novo você vai furar as gemas e adicionar 1/8 colher de chá de sal (colher medida hein) OU 1.5 colher de chá de açúcar ou glucose de milho para cada 1/4 xícara de gemas (aproximadamente 4 gemas). Só não esqueça de etiquetar quantas gemas e se usou sal ou açúcar porque você vai precisar reduzir da receita quando for usar as gemas (Não esqueça!!). Se forem muitas gemas e serão usadas para doces eu acho mais fácil calcular o açúcar como 10% do peso das gemas.

Para congelar CLARAS:
Tanto pasteurizada quanto fresca você congela as claras sozinhas, sem misturar nada como foi preciso com as gemas. Se for pouquinho, você pode colocar em forminhas de gelo, uma clara em cada quadradinho. Depois de congeladas, você transfere pra um saco plástico. Pra usar fica fácil, pois cada quadradinho é uma clara.

A melhor dica tanto para gemas quanto para claras é congelar em porções, pesando cada porção antes de congelar assim facilita na hora de usar na próxima receita e não tem desperdício. E o importante é uma vez descongeladas tem que ser usadas no mesmo dia e não pode voltar a congelar.

E você, tem alguma dica ou receita que só leve gemas? Coloque nos comentários. Vamos ver qual a dica ou receita mais criativa.

Até a próxima,
Chris

quem gostou compartilha ~ share this at

Comments

  1. lucia mesquita says:

    Oi Cris
    Fiquei feliz em te achar na internet. Meu sonho apos minha aposentadoria era poder fazer tortas para as ocasiões festivas aqui em casa. O ano passado fiz alguns cursos aqui na minha cidade de Novo Hamburgo-Brasil.
    Adorei tuas aulas, teu site e tuas receitas. Vou tentar fazer parecido.
    Estarei de olho em teu site para ver tuas dicas e receitas.
    Um abraço lucia mesquita

    • Berliosca says:

      Oi Lucia, não sei se você me segue pelo youtube. Estou dividindo mais coisas por lá, tem coisa nova entrando no ar. Se eu for ao Brasil pra dar aula, também avisarei por lá e outras redes sociais.

      youtube.com/berliosca
      instagram @berliosca
      facebook.com/berliosca
      facebook.com/MadameBerliosca

Speak Your Mind

*